Polícia identifica e pede prisão preventiva para os assassinos de dona Ataíde

A Polícia Civil do Maranhão, através da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa- SHPP, desencadeou a Operação MAGU, para identificação da autoria e motivação do assassinato da Srª. Maria de Lourdes de Araújo Lima, 89 anos, fato acontecido no último dia 06 em Araioses.

No dia 26/05/2016, a equipe da SHPP, com apoio da 3ª Delegacia Regional de Chapadinha, identificou os autores do crime, os quais se tratam do adolescente identificado como W. S. A, de 17 anos Conhecido como “Zambeta” e de Daniel de Sousa Santos, 18 anos. Os referidos confessaram a autoria do delito e contaram com riqueza de detalhes como o fato se deu, afirmando que entraram na casa da vítima para roubar e, diante da reação da mesma, a assassinaram para garantir a impunidade do crime. A delegada Viviane Azambuja, da SHPP representou judicialmente pela internação provisória do adolescente e pela prisão preventiva do maior, pedido este que foi prontamente deferido pelo juiz plantonista, o qual expediu os respectivos mandados, que foram imediatamente cumpridos pela Polícia Civil.

A operação MAGU recebeu este nome em homenagem ao pacato e ordeiro povo da cidade de Araioses, a qual é banhada pelo rio MAGU.

Com informações de SHPP

Leia Mais
Trabalhadores nascidos em fevereiro podem sacar auxílio emergencial
Open