Brasil faz boa partida, mas perde título da Ligas das Nações de vôlei

A seleção brasileira feminina de vôlei foi derrotada pelos Estados Unidos na final da Liga das Nações por 3 sets a 1 na tarde desta sexta-feira (25), em Rimini (Itália). O time comandado pelo técnico Zé Roberto Guimarães fez uma boa partida e chegou a sair na frente com a vitória no set inaugural por 28 a 26.

Mas, nas três parciais seguintes, a equipe norte-americana demonstrou a qualidade de uma das principais favoritas ao ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Os placares dos sets vencidos pelos Estados Unidos foram 25/23, 25/23 e 25/21. Com a conquista, a seleção norte-americana se manteve como a única campeã do torneio, tendo conquistado as três edições disputadas até o momento.

Do lado vencedor, a principal pontuadora foi Bartsch-Hackley, com 22 bolas no chão. O Brasil teve a ponteira Gabi como destaque, com 18 pontos. Tandara e Carol ficaram logo atrás com 17 acertos cada uma. A seleção brasileira foi representada na equipe ideal da Liga das Nações, escolhida pelos organizadores da competição, pela ponteira Gabi, pela central Carol Gattaz e pela oposta Tandara. A norte-americana Bartsch-Hackley foi eleita a melhor jogadora da competição.

Leia Mais
Em revanche de final estadual, Sousa bate Campinense pela Série D
Open